terça-feira, 24 de novembro de 2009

Sem carácter


Já António Costa se queixara do mesmo na Quadratura do Círculo, na Sic.
Mas que diabo é essa coisa de "ataque de carácter"?
É uma coisa que se inventou para não criticar pessoas que devem ser consideradas intocáveis e acima de toda e qualquer suspeita?
É isso, não é?
Bem me queria parecer.

6 comentários:

Cascais1 disse...

Não é.

É julgar pessoas na praça pública, utilizando fugas criminosas ao segredo de justiça, por exemplo.

É difamar a coberto de ser jornalista e refugiar-se cobardemente no sigilo das fontes.

Oxalá um dia, não toque também qualquer coisa ao Fiat, para ver como é doce.

Fiat Lux disse...

As pessoas não devem ser julgadas na praça pública "utilizando fugas criminosas ao segredo de justiça, por exemplo".

As pessoas não devem ser difamadas
"a coberto de ser jornalista e refugiar-se cobardemente no sigilo das fontes".

Inteiramente de acordo.

Mas
as pessoas não podem ser protegidas pelo cargo que ocupam. E a sensação que dá, a cada dia que passa, e a cada imbróglio em que aparece o nome de José Sócrates, é que a Justiça nunca permitirá que Sócrates chegue ao ponto de ter que esclarecer essas dúvidas no local próprio, em vez da discussão se fazer ao nível da rua.

Presumo que neste ponto estamos em desacordo.

geocrusoe disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cascais1 disse...

Se os assuntos não podem ser esquecidos porque as pessoas ocupam um cargo, também não devem ser empolados.

O que certa imprensa está a fazer com o cidadão José Sócrates, fritando-o lentamente sem que este se possa defender, é absolutamente condenável.

Quem divulga informações confidenciais e quem as alardeia, devia malhar com os ossos na cadeia.

Há legitimidade para questionar eventuais protecções a Sócrates també há para suspeitar que estas campanhas são pagas, e que os crimes de divulgação de segredos de justiça tem óbvios objectivos partidários.

Também há legitimidade para qu

DR.PARDAL disse...

Esse Vitorino é que não tem carácter nenhum.
É um proxeneta do sistema.
Também é responsável por Portugal estar a um passo da classificação de "estado falhado".

João Cunha disse...

Ataque de carácter ou ataque ao carácter? vai lá se perceber :)