quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Batemos no fundo

"Se o despacho do juiz [de Aveiro] é verdade..."
Castro Almeida (PSD) no programa Pontos de Vista da RTP-N,
sobre a eventual interferência do Governo no negócio da PT com a Media Capital.

Quando se levanta a mais ténue dúvida que um juiz fale verdade num despacho...estamos conversados. Fechem a loja.

2 comentários:

geocrusoe disse...

A frase pode ser infeliz, mas penso que já há muito descobrimos que os fundos do sistema são falsos, pois tem sido sempre possível descer um pouco mais mesmo depois de sentirmos que já tocámos no fundo.

Cascais1 disse...

Quando matéria em segredo de justiça anda por aí ao desbarato, batemos no fundo da pouca vergonha e impunidade.