quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Em Roma sê romano e na Madeira...


Jerónimo de Sousa na Madeira não resistiu a usar todos os trunfos para agradar aos madeirenses.Mas escusava de ter cometido este equívoco.
Jerónimo de Sousa tem obrigação de saber que durante anos a Lei das Finanças Regionais foi mal aplicada exactamente porque tratou por igual o que era diferente.
Os Açores e a Madeira não são iguais só porque são arquipélagos.
Basta vermos que os Açores têm nove ilhas e a Madeira duas.
É preciso ir mais longe?

1 comentário:

geocrusoe disse...

O que nasce torto dificilmente se endireita.
a lei anterior era injusta porque tratava do mesmo modo realidades diferentes.
a actual parece injusta porque caiu na situação de diferenciar coisas diferentes, mas onde os indícios da diferençação radicam mais na discriminação partidária do que na adaptação às diferentes realidades.
Politquices que nos açores mereceram a aprovação da cdu