domingo, 18 de janeiro de 2009

Yes she can !



Pormenores

Berta Cabral começou hoje a ganhar as eleições de 2012. E isso viu-se até em pequenos/grandes pormenores, na música por exemplo. São sinais. Tal como em 1996 os socialistas adoptaram a música de Vangelis para as entradas triunfais, hoje o PSD escolheu muito bem uma música (alguém me diz de quem?) para a entrada de Berta Cabral no Coliseu Micaelense.

"Pormaiores"

Mas isso é apenas um pormenor, a mim o que me chamou mais a atenção foi um "pormaior", que penso ser inédito nos Açores e no país. Berta Cabral disse que não ia fazer críticas aos outros partidos pois não era correcto convidá-los para depois estar a criticá-los. Isso tem sido a (má) prática em todos os congressos de que me recordo. Uma prática que curiosamente eu me preparava para condenar. Acho que Berta Cabral começou logo aí a ganhar pontos. Disse que não criticava e não criticou . Apenas criticou o PS a nível nacional.

MFL entediante...e deselegante

Já Manuela Ferreira Leite criticou o PS regional e nacional. E fez um discurso entediante. Muito fraquinho. Ah e não me apercebi que tivesse elogiado e incentivado Berta Cabral. Se o fez foi "de raspão". Acho mal que tenha vindo para cá apenas fazer campanha para a sua eleição. Foi deselegante.

Bloggers ao poder

A Comissão Política surge bastante renovada e rejuvenescida. Com João Nuno Almeida e Sousa, volta a provar-se que o pessoal dos blogs começa a ter a sua influência.

As duas sedes do PSD

Como curiosidade o facto de José Andrade, chefe-de-gabinete de Berta Cabral na câmara de P.Delgada ser agora um dos vice-presidentes do PSD. Nem que seja no intervalo para o café, a presidente da câmara e o chefe-de-gabinete podem sempre conversar cara-a-cara no sentido de apagar algum fogo no PSD ou estabelecer alguma estratégia.

"Ovelha negra"

Se tivesse que eleger uma ovelha negra do Congresso apontaria o nome de Rui Melo. Ele disse que se recandidatava mas não me admirava que se recandidatasse a Vila Franca ... pelo PS. É um disparate muito grande? A gente depois vê. Acho que o PS ficaria muito satisfeito.

Idolatrias boas e idolatrias más

Por PS, o partido esteve muito mal representado no encerramento do congresso do PSD.
Berta Cabral foi uma senhora. Não criticou os outros partidos. Já José San-Bento foi muito infeliz nos seus comentários. E então quando criticou a idolatria dos social-democratas a Berta Cabral foi mesmo patético. Então e a idolatria dos socialistas a Carlos César? Há idolatrias boas e idolatrias más? E pachorra para tanta tolice?

Last but not least

Os socialistas que ainda não perceberam que têm aqui uma adversária de peso estão muito a tempo de acordar. Se persistirem no erro infantil de desvalorizar os trunfos de Berta Cabral vão ter uma grande desilusão em 2012.

6 comentários:

Anónimo disse...

Obrigado pela referência

Já milito no PSD muito antes de militar na blogoesfera.

No Congresso tive o grato prazer de estar com alguns amigos do Pico e de conhecer outras pessoas simpáticas dessa Ilha fantástica onde fiz das melhores férias da minha vida. Porventura a(o) Fiat Lux andou por lá e se calhar estivemos juntos lado a lado…pena não termos sido apresentados.
Saludos
JNAS

Fiat Lux disse...

A minha ideia não foi dizer que estava lá por ser blogger.
Mas é um facto que os bloggers estão a entrar em força na política. Tem o exemplo do Alexandre Pascoal (:ilhas), do João Bruto da Costa (Burgalhau) e agora o seu (:ilhas).
Acho que nunca estivemos lado a lado.
Quanto às férias no Pico acredito que tenham sido inesquecíveis.
Boa sorte nas novas funções.

Anónimo disse...

É por essas e por outras que depois os blogs começam a perder interesse.

Jordão disse...

Caro Fiat essa tua “teoria” da perca do “D” da ovelha negra tem um contra-argumento muito forte – um Cordeirinho! Que está pensando reformar-se. Deve estar farto de ser médico! Depois a política não dá dinheiro!!!???

Anónimo disse...

O conhecido autarca laranja Rui Melo, foi durante muitos anos cara do PSD. Mota Amaral mandava-o para a televisão malhar na oposição, nas noites eleitorais vitoriosas do PPD/PSD? Lembras-te Fiat?

Anónimo disse...

A questão Rui Melo - Clélio Meneses é a prova provada que o PPD/PSD continua igual a si próprio: um ninho de cobras que agora, porque na oposição, se abraçam, forçam sorrisos e agitam bandeiras.