sábado, 17 de janeiro de 2009

NÃO...acredito (2)

As unidades militares no arquipélago ainda não hastearam a bandeira açoriana, como determina o novo Estatuto Político-Administrativo da Região Autónoma dos Açores já em vigor, em virtude da falta de clarificação das dúvidas expostas à tutela.
Contacto pela agência Lusa o Comandante Operacional dos Açores, Carvalho Abreu, assegurou que não recebeu da tutela qualquer indicação para hastear a bandeira açoriana nas unidades militares existentes na região, pelo que "mantém-se tudo como estava". De acordo com o novo Estatuto dos Açores, "a bandeira da região é hasteada nas instalações dependentes dos órgãos de soberania e nos órgãos de governo próprio na região ou de entidades por eles tuteladas, bem como nas autarquias locais".
(AO/Lusa)


Algumas perguntas e algumas respostas:


- O Estatuto dos Açores foi aprovado e entrou hoje em vigor?
- Sim.
- O Estatuto determina que a bandeira dos Açores seja hasteada nos quartéis?
- Sim.
- Os quartéis hastearam as bandeiras?
- Não.
- O que diz o Ministro da Defesa?
- Que não faz sentido hastear a bandeira dos Açores nos quartéis.
- Mas isso desrespeita a lei?
- Sim.
- E o que se faz a um Ministro que não cumpre a lei?
- Eh pá com essa é que me lixaste!
Peço ajuda aos constitucionalistas de serviço. Is anybody out there?

6 comentários:

Menina da Rádio disse...

já parece o sketch dos gato fedorento&marcelo...pode-se fazer um aborto? sim. mas não é ilegal?é. mas há penalização? não...

Anónimo disse...

Os militares não são regidos pelo estatuto. É tão simples quanto isso.

Luísa Silva disse...

Não será por causa do hastear da bandeira dos Açores nos quartéis que se fará uma revolução ou se clamará pela independência desta Região Autónoma.
Mas, não me surpreenderá que o facto desta (bandeira) não ser hasteada, indignará muitos açorianos - do pescador ao doutor.
O açoriano é um povo pacifico e por vezes resignado. Mas, é também um povo que se orgulha de ser quem é, que não abdica da autonomia de mais de um século desejada e alcançada.
Afinal, de quem têm medo os senhores militares?

Fiat Lux disse...

"Os militares não são regidos pelo estatuto. É tão simples quanto isso."

Como é que é?
O Estatuto não é uma lei?
E os militares estão acima da lei?

Essa é nova para mim.

Não sou, nunca fui e acho que nunca serei independentista, mas isto que se está a passar é tão nojento que não me admirava nada que esses sentimentos ganhassem nova vida.

Fiat Lux disse...

"Todos nós somos obrigados a respeitar a lei", afirmou Carlos César aos jornalistas, pronunciando-se sobre o incumprimento de uma norma do novo Estatuto dos Açores referente à obrigatoriedade das instalações do Estado no arquipélago, entre elas as unidades militares, hastearem também a bandeira açoriana.
(Lusa) 18 Janeiro 19:40

Anónimo disse...

Eu não iço a bandeira por que não tenho pau para isso.